Vila Pouca de Aguiar vai regressar ao período quinhentista a 16 de maio, com um cortejo, mercado medieval, recriações históricas e a atuações de grupos teatrais e musicais, como a Filandorra e os Al Medievo.

Foi apresentado, no passado dia 25 de abril, o programa oficial da Comemoração dos 500 anos do Foral de Aguiar de Pena, na Biblioteca Municipal, um momento cultural que teve música, com os Al Medievo, e teatro, com a Filndorra – Teatro do Nordeste, que convidaram os presentes a participar nas festividades do próximo dia 16 de maio.

De acordo com Duarte Marques, vereador da autarquia, responsável pelo pelouro da cultura, o programa arranca às 9h30 com uma Assembleia Municipal, no auditório do edifício do Palacete Silva, onde irá decorrer a apresentação do livro “Forais Novos e Forais Antigos de Aguiar de Pena e Jales”, pelo autor Albertino Saraiva de Sousa.

Após esse enquadramento histórico, às 11 horas da manhã realiza-se um grande cortejo medieval que envolverá o Agrupamento de Escolas de Vila Pouca de Aguiar, a Universidade Sénior das Terras de Aguiar, associações culturais e recreativas do concelho, Juntas de Freguesia, Animódia, Filandorra e Al Medievo, mobilizando, também, a comunidade local e que culmina na Praça Luís de Camões, junto ao edifício principal da Câmara Municipal. Centenas de alunos e responsáveis educativos, utentes da universidade sénior, elementos de dezenas de associações locais e demais aguiarenses oriundos das 14 freguesias irão participar, direta ou indiretamente, no cortejo que terá início na escola e percorrerá o centro histórico da sede de concelho.

(…)

Versão completa na edição impressa

Edição nº 135, nas bancas

PARTILHAR
Artigo anteriorRali Pedras Salgadas percorreu zona norte do concelho
Próximo artigoEdição nº 135
Diretor do jornal semanal "Notícias de Aguiar" Jornalista profissional desde 2009

Comentar

Please enter your comment!
Please enter your name here