O Gabinete de Inserção Profissional (GIP) de Vila Pouca de Aguiar celebrou o seu primeiro ano de atividade com a assinatura da 1.ª renovação do contrato de objetivos que aconteceu no passado dia 17 de outubro de 2016, na sede da AE Corgo, local de funcionamento do serviço, contanto com a presença do Diretor do IEFP de Chaves, Francisco de Melo, e Bruno de Sousa, na qualidade de Vice-Presidente da Direção da AECORGO.

O GIP é um órgão credenciado pelo IEFP e serve para prestar apoio a jovens e adultos desempregados no percurso da sua (re)inserção no mercado de trabalho, operando sempre em cooperação com os Centros de Emprego. Este projeto funciona como complementaridade à atividade do serviço público de emprego, permitindo uma intervenção e acompanhamento mais próximo e individualizado. Pretende-se reforçar o apoio aos desempregados e outros grupos desfavorecidos na procura e colocação em ofertas de emprego, encaminhar os mesmos para formação profissional ou promover a criação do próprio negócio. É ainda uma mais-valia para as empresas que registando neste gabinete as suas ofertas de emprego, poderão encontrar com maior facilidade o colaborador adequado para a sua entidade.
De acordo com o contrato de objetivos estabelecido entre o Instituto de Emprego e Formação Profissional e a AE Corgo, as principais atividades do Gabinete de Inserção Profissional de Vila Pouca de Aguiar passam pelo: desenvolvimento de ações de informação sobre as medidas ativas de emprego e formação; encaminhamento para a organização de ações promotoras do desenvolvimento de competências para a procura de emprego e empreendedorismo; encaminhamento para ações de formação ou medidas de emprego; receção e registo de ofertas de emprego; apresentação e colocação de desempregados nas vagas existentes.

De referir que a atuação do GIP de Vila Pouca de Aguiar abrangeu muitas outras atividades tais como a entrega de comprovativos de situação de inscrição e declarações de cancelamento de inscrição ao Serviço de Emprego de Chaves, apoio na elaboração de currículos e preparação para entrevistas de emprego, apoio na candidatura a medidas ativas de emprego e formação, divulgação dos serviços disponíveis em feiras e a empresas locais, entre outras.

Consideramos importante mencionar o agrado manifestado pelos utentes e empresas que podem resolver neste gabinete a maioria dos seus assuntos relacionados com o IEFP, evitando deslocações honrosas a esse instituto.

 

Edição nº 109

Comentar

Please enter your comment!
Please enter your name here