É no cenário donde nasce a água de Pedras Salgadas que se realiza a 16ª edição da Feira do Mel e do Artesanato, de 12 a 15 de agosto. O espaço que receberá cerca de cem stands de mel, artesanato, produtos regionais, tasquinhas e associativismo inclui as fontes Preciosa e Pedras Salgadas e estende-se até à Casa de Chá do Parque Termal de Pedras Salgadas.

Através desta feira, a Câmara Municipal e a EHATB promovem o mel e os seus produtores, bem como os artesãos da região que trabalham os seus artefactos, mantendo bem viva a etnografia da nossa gente. Para o presidente do Município, Alberto Machado este certame “vai de encontro às aspirações económicas e sociais da comunidade local”.

De sábado a terça-feira o parque transformar-se-á num poema com versos dedicados a atividades belas e saborosas, culminando com chave de ouro: o programa televisivo Somos Portugal (TVI) no feriado de 15 de agosto será uma festa nacional da cultura popular. Nessa tarde, haverá uma recreação da chegada do rei D.Carlos à vila termal, no início do século XX.

Os concursos temáticos – Qualidade do Mel, Rótulos de Mel, Doçaria Confecionada com Mel e Peças de Artesanato – são mais-valias da feira pela valorização dos produtos locais. Estes certames fazem com que apicultores e artesãos procurem a excelência dos produtos que disponibilizam. O folclore através do festival da associação ACREPES e a música popular pelo encontro de cantares da associação Aguavelames sublinham as tradições que se mantêm vivas nesta região transmontana.

O mel é uma atividade que envolve cerca de cem mil euros/ano. Segundo dados de 2016, o concelho tem 79 apicultores, 240 apiários e 5.286 colónias. Os meles predominantes são de Urze e Multifloral (urze, castanheiro, rosmaninho,…).

O artesanato é, de igual forma, um atividade complementar. Madeira, granito, linho, barro e diversos metais servem de matéria-prima a dezenas de artesãos que expõem e vendem algumas das suas autenticidades. A Feira do Mel e do Artesanato é visitada anualmente por cerca de 25 mil pessoas que aproveitam para adquirir produtos regionais e desfrutar de um belo cenário natural.

 

Cartaz e programa:

 

PARTILHAR
Artigo anteriorEdição nº 149
Próximo artigoEdiçaõ nº 150
Diretor do jornal semanal "Notícias de Aguiar" Jornalista profissional desde 2009

Comentar

Please enter your comment!
Please enter your name here