Unidade hoteleira vai custar 4,7 milhões de euros e dará emprego a 15 pessoas

Vai nascer em Fevereiro e dará emprego a 15 pessoas. O Hotel Pedras Salgadas, um investimento de 4,7 milhões de euros, é da iniciativa de um empresário local que visa dar resposta à crescente procura de aquistas e ecoturistas que se deslocam ao concelho aguiarense, designadamente à vila termal.

O hotel terá capacidade para 100 pessoas, que serão distribuídas por 10 camas de casal, 82 individuais, agrupadas em 52 quartos. O investimento total foi comparticipado em 75 por cento por fundos comunitários e a sua abertura está prevista para fevereiro de 2015. Para além das habituais alas de um hotel, a unidade terá um auditório, piscina, ginásio, restaurante para eventos, áreas de lazer, entre outros.

Paulo Costa, empresário natural de Pedras Salgadas, admitiu ao Notícias de Aguiar que a ideia de construir um hotel surgiu após o investimento da Unicer em pequenas unidades de turismo no interior do parque, que entretanto já receberam prémios internacionais de design e arquitetura. “A dinâmica criada pela empresa de águas, proprietária do parque, deu uma nova vida ao termalismo em Pedras Salgadas e penso que todos vamos beneficiar com isso”. Para além disso, existe o turismo de natureza, entre outras formas de atração turística, que aceleram a necessidade de ter mais oferta hoteleira.

(…)

* Notícia completa na edição nº 14, de 9 de dezembro, nas bancas

 

Pedras HotelPedras Hotel 2

Comentar

Please enter your comment!
Please enter your name here