O presidente da Câmara Municipal, Alberto Machado, o diretor geral de património cultural da Junta de Castilla Y León, Enrique Martín e o diretor regional de cultura do Norte, António Ponte, realizaram, juntamente com técnicos especialistas de Tresminas e Las Medulas, uma visita ao parque arqueológico de Tresminas.

É o início de uma parceria transfronteiriça para associar Tresminas a Las Medulas, tendo em vista a classificação do complexo mineiro romano de Tresminas e Jales a Património Mundial pela UNESCO. Com a possibilidade de alargar a candidatura – Las Medulas é Património Mundial desde 1997 – há uma aproximação multissetorial entre Portugal e Espanha e uma compreensão completa do sistema de exploração aurífera pelo Império Romano.

Nesta visita de trabalho, a 29 de junho, a comitiva deslocou-se às áreas das cortas de Covas e de Ribeirinha. De seguida, deslocaram-se ao núcleo rural de Tresminas com visitas ao Centro Interpretativo e à Igreja de Tresminas.

Os responsáveis e técnicos acertaram a implementação de várias medidas para valorizar o legado romano na Península Ibérica com atividades conjuntas em áreas como o turismo e a investigação.

Comentar

Please enter your comment!
Please enter your name here