O Moto Club do Corgo, presidido por Luís Gonçalves, fez ressurgir o desporto motorizado no mítico crossódromo de Telões, três anos depois da última prova oficial nesta pista, com o Troféu Norte de Motocross e Quadcross, este domingo, uma prova regional que contou com mais pilotos do que uma etapa do nacional e que teve cerca de 400 pessoas a assistir.

Foram mais de 50 os pilotos que marcaram presença em Vila Pouca de Aguiar, a 1 de maio, dos quais cerca de 40 eram de motocross. A lista de inscritos tinha acima de tudo portugueses (muitos deles transmontanos), mas também espanhóis (da vizinha Galiza) e ainda uma mulher, que mostrou que o desporto motorizado não é só para homens.

A prova propriamente dita teve treinos, na parte da manhã, e duas mangas de quadcross e motocross, de tarde. Na modalidade de motocross, houve uma primeira etapa para a categoria de promoção, com um total de 40 inscritos, e uma classe de elite, destinada a apenas 15 participantes, dominada por João Vivas. No quadcross, Adalberto Paiva esteve em destaque.

Para a organização, o balanço foi positivo, numa prova envolta em ambiente festivo, que faz antever a possível realização de provas de maior gabarito, como o campeonato nacional ou o campeonato europeu em MX.

A entrega dos prémios contou com a presença do presidente do município, Alberto Machado, o responsável pelo pelouro do desporto, Duarte Marques, e o presidente da Junta de Freguesia de Telões, Arlindo Ribeiro.

O Moto Club do Corgo não para e no próximo dia 9 e 10 de julho terá lugar, em Vila Pouca de Aguiar, a XII Concentração Motard.

Notícia na edição nº 85, nas bancas

Comentar

Please enter your comment!
Please enter your name here