A localidade de Vila do Conde, na freguesia de Valoura, foi fustigada com uma forte chuvada de granizo e vento forte, a 7 de julho, que causaram estragos em diversas culturas, em habitações e na via pública.

Na agricultura, milho e vinha foram bastante afetadas, assim como mirtilos, feijão ou batata. Os agricultores fazem agora contas aos prejuízos causados pelo mau tempo que durou pouco mas foi fatal para a destruição de campos e hortas.

Há a registar ainda o derrube de muros, designadamente na rua do Poço e junto ao campo de futebol daquela localidade. Alguns habitantes tiveram prejuízos dentro das próprias habitações com inundações a danificar eletrodomésticos e mobiliário diverso.

Segundo a Proteção Civil Municipal, a trovoada fez-se sentir ainda em outras áreas do território tendo sido a causa provável de dois incêndios, nomeadamente próximo da aldeia da Barrela e na zona de Guilhado. Aqui, pela proximidade a um armazém de explosivos, houve uma reforçada intervenção de meios aéreos (dois aviões e dois helicópteros) e de 82 bombeiros oriundos de várias corporações que controlaram a operação.

Comentar

Please enter your comment!
Please enter your name here