Aguiarenses distinguidos na II Gala AFVR

837

A Associação de Futebol de Vila Real (AFVR) realizou, no passado dia 1 de setembro, a II Gala AFVR, um evento em que são distinguidos os melhores das provas distritais da época que findou, nas modalidades de futebol e futsal. O espaço escolhido para este evento, que visou distinguir as personalidades que mais se destacaram na época 2017/2018, foi a Aula Magna da Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD).

Com um auditório cheio, António José Marques, presidente da AFVR, deu as boas-vindas a todos os presentes e congratulou os clubes vencedores das provas distritais, assim como os árbitros, dirigentes, técnicos e atletas distinguidos. O dirigente demonstrou satisfação pela entrada, na Divisão de Honra, de mais três clubes: Alijoense, Cumieira e Sabroso, que agora estão num lote de 18 equipas.

O presidente realçou, por fim, o aumento do número de atletas, nas duas modalidades, e as formações de dirigentes e técnicos desportivos que são promovidas pela instituição, para dar mais e melhores ferramentas às equipas filiadas.

Após as várias distinções, foram realizados os sorteios referentes às competições de futebol sénior da AFVR: Divisão de Honra e Taça AFVR. A Divisão de Honra começará a 16 de setembro e prolonga-se até final de maio de 2019. Já na Taça, a primeira eliminatória será a 1 de novembro e terá apenas dois encontros, sendo que há 14 clubes isentos nesta fase, incluindo o SC Vila Pouca de Aguiar e o Sabroso SC. A final será disputada a 12 de junho, em Vidago.

 

Aguiarenses distinguidos na Gala AFVR

A II Gala da AFVR serviu para distinguir as individualidades ou coletividades que mais se destacaram na época passada, mas também foi o mote para homenagear algumas personalidades. Como o caso do antigo atleta e massagista do Grupo Desportivo de Chaves, Albano Chaves Lopes, que é natural de Vila Pouca de Aguiar.

Albano Chaves sentiu-se muito feliz com esta homenagem, confessando que não é uma pessoa de muitas palavras, mas reconheceu que é “um homem simples que dedicou a sua vida toda à família e ao desporto”, agradecendo, de forma especial, à associação de futebol.

Também Carlos Anjos, que no final da passada época deixou a direção o Sabroso SC, após vários anos à frente da instituição, foi distinguido como dirigente aguiarense do ano, um prémio que foi escolhido, de forma unânime, pelas equipas do concelho.

No final, foi a vez dos responsáveis pelos órgãos de comunicação social do distrito subirem ao palco. Filipe Ribeiro, responsável pelo Notícias de Aguiar, recebeu, em nome do jornal semanal, com sede em Vila Pouca de Aguiar, uma Menção Honrosa, em reconhecimento pelo trabalho desenvolvido na divulgação e acompanhamento do futebol e fusal regional.

A Rádio Clube Aguiarense e o Desportivo Trasmontano, estação emissora e diário digital de informação desportiva, ambos com sede em Vila Pouca de Aguiar, foram também reconhecidos. Luís Roçadas (DT) e Luís Miguel Roçadas (RCA) receberam as respetivas Menções Honrosas.

De facto, foi a primeira vez (que há memória) que a Associação de Futebol distinguiu órgãos de comunicação social. Através do acompanhamento que faz a várias equipas do distrito, a Comunicação Social é uma das maiores responsáveis pela promoção e dinamização das modalidades desportivas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here