Centro Social leva folar transmontano a casa dos utentes

Local

As tradições de Páscoa e o fabrico artesanal do folar mantêm-se, apesar da pandemia, na freguesia de Valoura. No Centro Social e Comunitário Nossa Senhora de Fátima, em Vila do Conde, o dia 1 de abril foi passado à volta da massa, com a confeção do tradicional folar transmontano.

“Todos os anos, por altura da Páscoa, fazemos cerca de 30 folares à maneira tradicional, num forno a lenha que é do centro social, para distribuir pelos utentes. É um gesto que eles apreciam”, informou José Diegas, presidente da direção.

Esta Instituição Particular de Solidariedade Social (IPSS), com valência de Serviço de Apoio Domiciliário (SAD), entrou em funcionamento em fevereiro de 2016 e presta atualmente apoio a 30 idosos da freguesia de Valoura.

Ao longo do ano, o Centro Social e Comunitário promove diversas iniciativas em parceria com a comunidade local e Junta de Freguesia de Valoura. São exemplo: a apanha da azeitona, a apanha das batatas, o São Martinho, almoços de convívio, entre outras.

Local

Menu