“AVIVAR- Nos trilhos das memórias de Chaves” em Livro e Exposição Fotográfica

Alto Tâmega

 Foi apresentado, dia 9 de julho, na Biblioteca Municipal de Chaves, o resultado da investigação cultural realizada no âmbito do projeto AVIVAR, com a apresentação do Livro “AVIVAR- Nos trilhos das memórias de Chaves” e uma Exposição Fotográfica temática, produto da recolha foto etnográfica da cultura popular flaviense, patente ao público até dia 31 de agosto.

O Presidente da autarquia, Nuno Vaz, presente na sessão de apresentação, reconheceu o “trabalho oportuno desenvolvido em prol da memória futura da história e etnografia do concelho, traduzido numa obra cheia de singularidades, que apela sobretudo aos sentidos”.

Com o objetivo de divulgar e registar o património material e imaterial existente no meio rural do concelho, procedeu-se à recolha dos aspetos mais marcantes da cultura popular, através de entrevistas realizadas nas localidades de Águas Frias, Calvão e Soutelinho da Raia, Eiras, S. Julião e Cela, São Pedro de Agostém, Soutelo e Seara Velha, Vidago, Arcossó, Selhariz, Vilarinho das Paranheiras e Vilarelho da Raia.

O projeto apresenta seis roteiros pedestres turísticos culturais do concelho que perpetuam a memória ancestral da cultura flaviense, através da divulgação de caraterísticas peculiares que podem também ser conhecidas através do site criado para o efeito, em www.avivar.pt.

Este projeto resulta da candidatura apresentada por António Manuel Martins no Orçamento Participativo (OP) de Chaves 2017, sendo a proposta vencedora da Componente 2 – Promoção e Dinamização – Projetos de âmbito Cultural e Desportivo.

Relacionadas

Restaurante “O Rogério”: produtos locais que enriquecem os pratos tradicionais
Município de Ribeira de Pena entrega 42 mil euros para comparticipar medicamentos

Autor

Menu