Deputados do PSD questionam Governo sobre troço da EN212 entre Vila Pouca de Aguiar e Jales

Local

Os deputados do PSD, eleitos por Vila Real, lamentam que as populações vivam diariamente as dificuldades que decorrem da pavimentação ainda por concluir no troço da EN212 entre Vila Pouca de Aguiar e Jales. Recorde-se que, desde o início do ano de 2021, a Junta de Freguesia de Alfarela de Jales e a Câmara Municipal de Vila Pouca de Aguiar têm insistido junto do gestor regional de Vila Real e Bragança da Infraestruturas de Portugal da “necessidade de proceder à pavimentação do troço da EN212 entre Vila Pouca de Aguiar e Jales, realçando a urgência de pavimentação imediata no troço entre o quilómetro 2,8 e 3,1”, como, de resto, já foi noticiado neste jornal.

Numa pergunta dirigida ao ministro das Infraestruturas e Habitação, os deputados lembram que a Câmara Municipal de Vila Pouca de Aguiar foi informada que, no dia 4 de maio, “na EN212, tinha sido efetuada uma micro-fresagem do pavimento (em profundidades até 0,015 metros) para posterior aplicação de micro-aglomerado betuminoso a frio, o qual não foi, entretanto, realizado por falta de condições climatéricas”.

De acordo com o gestor da Infraestruturas de Portugal, a conclusão dos referidos trabalhos estava prevista para o 2º trimestre de 2021. “Infelizmente, não só os trabalhos não foram concluídos, como previsto, o que tem sido extremamente penoso para as populações locais nas suas deslocações diárias entre o Planalto de Jales e a sede de concelho, como a Câmara Municipal não consegue obter por parte dos serviços competentes qualquer informação sobre a data prevista para a sua realização”, concluem os deputados Luís Leite Ramos, Cláudia Bento e Artur Andrade.

Local

Menu