Doação de bens para o povo ucraniano continua em Vila Pouca de Aguiar

Data:

Nos últimos dias, várias associações, de norte a sul do país, e até pessoas em nome individual têm dinamizado iniciativas para recolher bens alimentares e materiais, com o objetivo de ajudar os ucranianos que, devido à guerra, se viram obrigados a perder família e amigos, casas, bens e até a sair do próprio país.

Em Vila Pouca de Aguiar, a Associação das Mulheres Aguiarenses Empreendedoras (AMAE) está a recolher bens para enviar para a Ucrânia, desde a passada segunda-feira, tendo prolongado a campanha até sexta-feira, dia 4 de março.

“Através do contacto com uma médica que recebeu o apelo de uma utente ucraniana em Vila Real começamos a angariar produtos. Foi uma iniciativa que surgiu de uma hora para a outra, com o objetivo de enviarmos ainda ontem o primeiro camião para a Ucrânia”, explicou Sandrina Alves, da AMAE.

Entretanto, após um contacto com a Câmara Municipal de Vila Real, a autarquia solicitou um camião TIR para serem recolhidos mais produtos, “mas a solidariedade da população cresceu e o primeiro camião está já praticamente cheio”.

Entre os bens a recolher estão medicamentos (benuron, brunen, seringas, betadine, água oxigenada, álcool, pensos, ligaduras, fita adesiva e soro fisiológico).

Os bens alimentares que podem ser doados sãos arroz, massas (alimentos secos em geral), enlatados, papas, farinha de bebé, barras energéticas, excluindo produtos envolvidos em vidro.

Podem ainda entregar produtos higiénicos, como fraldas para bebé (entre outros artigos de bebé e recém-nascido), toalhitas, pensos higiénicos, mantas, etc.

“Também temos a preocupação de receber comida para animais”, acrescentou a voluntária.

Quanto à solidariedade dos aguiarenses, Sandrina Alves não escondeu o orgulho, após ver os caixotes que se encontram na Junta de Freguesia de Vila Pouca de Aguiar a encherem de dia para dia.

“É de encher o coração. No final disto tudo, a única coisa boa que fica é ver esta onda de bondade”, rematou Sandrina Alves.

Até sexta-feira, dia 4 de março, poderão continuar a ajudar, deixando os bens na Junta de Freguesia de Vila Pouca de Aguiar, entre as 9h às 16h.

Partilhar

Últimas

Artigos relacionados
Relacionado

Casa da Eira: retiro edílico transformado em alojamento local

O pós-pandemia despertou os viajantes para os encantos de...

Autarquia com selo de mérito pelo Movimento Cuidar dos Cuidadores Informais

O projeto da autarquia Aguiar Cuida foi reconhecido pelo...

Lançamento do Martelo: Joel Borges conquista medalha bronze em nacional sub-18

O atleta do CTM Vila Pouca de Aguiar, Joel...

Vila Pouca de Aguiar marca presença na Bolsa de Turismo de Lisboa 2024

Vila Pouca de Aguiar vai participar na Bolsa de...