“Os Verdes” questionaram Governo sobre redução de horário no Centro de Saúde

Local

O deputado José Luís Ferreira, do Grupo Parlamentar do Partido Ecologista “Os Verdes” (PEV), questionou o Governo, através do Ministério da Saúde, sobre a redução no horário de encerramento do Centro de Saúde de Vila Pouca de Aguiar ao fim de semana, a partir de novembro, e a redução no número de médicos e enfermeiros nesta unidade que se verifica desde janeiro.

Em comunicado, o PEV informou que o Centro de Saúde de Vila Pouca de Aguiar, que se encontra integrado no Agrupamento de Centros de Saúde (ACES) do Alto Tâmega e Barroso, irá sofrer uma redução de horário no fim de semana, passando a encerrar às 16h.

Esta unidade dispunha de um horário de “consulta aberta”, ou consulta não programada, entre as 8h e as 22h, durante os dias da semana, e entre as 9h e as 20h durante o fim de semana. Entretanto, no contexto de pandemia de Covid-19, a “consulta aberta” do Centro de Saúde de Vila Pouca de Aguiar sofreu uma redução no horário de encerramento, durante os dias da semana, passando a funcionar apenas até às 20h.

“O encerramento e a redução dos horários dos centros de saúde têm causado muitos constrangimentos à população, sobretudo para as pessoas que, residindo longe das grandes áreas urbanas, vive afastada dos centros de saúde, das unidades hospitalares de referência, e respetivos serviços de urgência”, acrescentou o PEV.

Para além de ainda não se encontrar reposto o horário de funcionamento da “consulta aberta” até às 22h, durante a semana, “Os Verdes” foram alertados para a possibilidade de o Centro de Saúde de Vila Pouca de Aguiar sofrer uma nova redução do horário deste serviço, a partir do próximo mês.

Reportagem completa na edição nº 301 do Notícias de Aguiar, nas bancas esta semana.

Autor

Menu